terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Revista Trajetória Literária lançada no Pavio da Cultura do sábado, dia 11/12/2010.




Dia onze de dezembro varamos uma grande tempestade para chegar em Suzano, nossos agradecimentos ao motorista da prefeitura de Mauá, o Kleber, que nos levou e trouxe de volta em segurança, em detrimento da forte chuva e da estrada perigosa.

Chegando ao Centro de Educação e Cultura Francisco Carlos Moriconi, fomos recebidos pelo coordenador literário da Secretaria de Cultura, o Sacolinha, com seu grande sorriso e a cordialidade de sempre. O que muito admiro no pessoal de Suzano é sua organização e vitalidade. Cultura é um fazer contínuo e cansativo, no entanto nas duas vezes que consigo ir ao Sarau Pavio da Cultura, não contabilizo baixas, muito pelo contrário, as pessoas estão vivazes e dispostas. E sempre tem uma novidade, desta vez foram apresentados vídeos alternativos, produzidos pelos poetas que transitam entre a palavra e as artes visuais.

A organização foi impecável também na pontualidade, recebemos nossas cópias da revista em uma cerimônia simples, mas muito bem arranjada e bastante emocionante. Falei, na minha vez, sobre o fato de que estas publicações são as verdadeiras antologias do que se produz agora, longe do pedantismo e proselitismo que envolvem as antologias produzidas dentro dos meios acadêmicos e literários. Os teóricos e críticos dos grandes centros são incapazes de ver a produção rica que ocorre nos círculos periféricos e arrabaldes. Existe vida cultural e literatura além das fronteiras da Cidade Universitária, é uma literatura pungente, nem sempre alinhada com a última moda ditada na Europa, mas é sempre viva e pulsante.

Só faltou registrar a ilustre presença do poeta Jorge de Barros, também de Mauá, que também está na revista Trajetória Literária - número 6, sendo o sétimo colocado no Concurso, e meus agradecimentos à prefeitura de Suzano, na figura de seu Secretário de Cultura, o Sr. Walmir Pinto, que ao meu ver fez uma das mais felizes falas sobre políticas culturais públicas que já ouvi, onde afirma que Cultura não é evento, e que muitos políticos costumam fazer esta confusão (alô Mauá). Os maiores agradecimentos ao Sacolinha que sempre me recebe como um amigo (um abraço); aos membros da Associação Cultural Literatura no Brasil na figura de seu presidente, o brilhante cordelista, Francis Gomes (mais abraços); e a cidade de Suzano, que tem me tratado com generosidade e me concedeu pela segunda vez um primeiro lugar em um concurso de poesia. 

E por fim mencionar a justa homenagem a Carolina Maria de Jesus patrona do 6º Concurso Literário de Suzano. 




“A revista Trajetória Literária n.º 6, que conta com as poesias e contos dos 22 autores selecionados por meio do 6º Concurso Literário, será lançada na edição do Pavio da Cultura deste sábado (11/12). O evento tem início às 19h30, no Centro de Educação e Cultura Francisco Carlos Moriconi (rua Benjamin Constant, 682 – Centro).

Os 22 autores que participam da revista com contos e poesias foram selecionados por meio do 6º Concurso Literário de Suzano – Edição Carolina Maria de Jesus. Eles estarão presentes nesta edição do Pavio, bem como os ilustradores, cujos trabalhos fazem parte da revista. O Pavio da Cultura é um sarau cultural com música, literatura, cinema, teatro e dança, que virou tradição na cidade de Suzano. Ele é realizado todos os sábados em um centro cultural da cidade. A revista é o resultado do 6º Concurso Literário de Suzano - Edição Carolina Maria de Jesus.”







Um comentário:

P. Treuffar disse...

Muito obrigado pelo comentário de força pro meu lançamento, obrigado de verdade, vc é sempre muito gentil comigo. Abço.